Última hora

Última hora

Vuelta 2014: Degenkolb bisa com polémica à mistura

Em leitura:

Vuelta 2014: Degenkolb bisa com polémica à mistura

Tamanho do texto Aa Aa

John Degenkolb festejou a segunda vitória consecutiva na Volta a Espanha impondo-se mais uma vez ao sprint na chegada a Ronda. A quinta etapa ficou marcada pelo intenso calor mas nem isso demoveu dois fugitivos de tentarem a sua sorte.

Tony Martin e Pim Ligthart. O alemão, tricampeão do mundo de contrarrelógio, acabou por ficar para trás devido a um problema mecânico, o holandês ainda resistiu mas foi alcançado a pouco mais de 30km da chegada.

No sprint, Degenkolb fez valer a lei do mais forte com alguma polémica à mistura. Nacer Bouhanni bem se queixou que o alemão tinha efetuado um sprint irregular mas o seu protesto foi rejeitado pelo coletivo de juízes.

Michael Matthews chegou com o grupo da frente, ganhou cinco segundos aos principais rivais e manteve a camisola vermelha. André Cardoso é o melhor português na 29ª posição, Sérgio Paulinho subiu para o 42º posto.

Classificação geral
1 Michael Matthews (Orica Greenedge) 18:12:31
2 Nairo Quintana (Movistar) +13”
3 Alejandro Valverde (Movistar) +20”
4 Rigoberto Urán (Omega Pharma – Quick-Step) +24”
5 Damiano Caruso (Cannondale) +26”
6 Esteban Chaves (Orica Greenedge)
7 Haimar Zubeldia (Trek Factory Racing) +29”
8 Wilco Kelderman (Belkin) +32”
9 Alberto Contador (Tinkoff-Saxo)
10 Robert Gesink (Belkin)

29. André Cardoso (Garmin Sharp) +1:01”
42. Sérgio Paulinho (Tinkoff-Saxo) +2:50”