Última hora

Última hora

No 75º aniversário do início da II Guerra Mundial Polónia e Alemanha mandam recados sobre a Ucrânia

Em leitura:

No 75º aniversário do início da II Guerra Mundial Polónia e Alemanha mandam recados sobre a Ucrânia

Tamanho do texto Aa Aa

Os Presidentes polaco e alemão participaram nas cerimónias que marcaram o 75º aniversário do início da II Guerra Mundial. Ou seja, da invasão de Hitler à Polónia.

Os chefes de Estado aproveitaram o evento para enviar recados num momento em que continua a discutir-se o futuro da Ucrânia:

“A história dá-nos uma lição. Ela dá-nos uma lição e obriga-nos a a tirar conclusões a partir de experiências dolorosas, a história diz-nos que ainda é preciso coragem e determinação para desafiar aqueles que ameaçam a ordem internacional, a paz e a liberdade”, adiantou Bronislaw Komorowski.

Do lado alemão o discurso manteve o mesmo tom:

“A história ensina-nos que as concessões territoriais não se limitam, muitas vezes, a aumentar o apetite dos agressores. Mas a história ensina-nos também que pode ser criada uma dinâmica a partir de uma escalada descontrolada, que já não se consegue controlar”, afirmou Joachim Gauck.

Para muitos intelectuais e políticos polacos, incluindo o Primeiro-ministro, a história repete-se: Gdansk 1939, Donetsk 2014.