Última hora

Última hora

NATO pronta a suspender novas sanções contra Rússia em caso de cessar-fogo

Em leitura:

NATO pronta a suspender novas sanções contra Rússia em caso de cessar-fogo

Tamanho do texto Aa Aa

A pressão sobre a Rússia aumenta ao segundo e último dia da cimeira da NATO no País de Gales.

Os líderes dos 28 países da Aliança Atlântica deverão aprovar esta sexta-feira novas sanções contra Moscovo, assim como a criação de uma nova força de intervenção rápida que poderia ser mobilizada para o leste da Ucrânia.

O responsável da diplomacia britânica, Phillip Hammond, garantiu, no entanto, que as novas sanções poderiam ser suspensas caso Kiev e os separatistas ucranianos decidam declarar um cessar-fogo.

A reunião é marcada igualmente pela situação no Afeganistão, depois da NATO ter aprovado ontem uma nova missão no país – que não será de combate – a partir de janeiro de 2015, após a agendada retirada das forças internacionais.

A ofensiva islamita no Iraque e na Síria domina igualmente as discussões, quando Washington e Londres tentam formar uma coligação internacional para combater o grupo armado Estado Islâmico.