Última hora

Última hora

Ucrânia: Plano de paz deve ser assinado em Minsk

Em leitura:

Ucrânia: Plano de paz deve ser assinado em Minsk

Tamanho do texto Aa Aa

Representantes das autoridades ucranianas, russas, rebeldes separatistas pró-russos e da Organização para a Segurança e Cooperação na Europa assinam hoje em Minsk um acordo que prevê a introdução gradual do plano de paz para a Ucrânia e o fim do conflito com os separatistas pró-russos no leste do país.

Enquanto o Presidente ucraniano Petro Poroshenko se manifestou “prudentemente otimista” sobre a conclusão de um cessar-fogo, os separatistas divulgaram na Internet estar “preparados para ordenar um cessar-fogo a partir das 15:00 locais, se houver um acordo e se os representantes da Ucrânia assinarem um plano de resolução política”.

O Presidente russo, Vladimir Putin, apresentou na quarta-feira um plano de paz que prevê a retirada das tropas ucranianas e a cessação das hostilidades pelas forças pró-russas.

Esta manhã continuavam os confrontos na cidade de Mariopol

O conflito no leste da Ucrânia, entre as tropas de Kiev e separatistas pró-russos, causou perto de 2.600 mortos desde meados de abril e centenas de milhares de refugiados e deslocados.