Última hora

Última hora

Rússia-China: Uma parceria para a aviação civil

Em leitura:

Rússia-China: Uma parceria para a aviação civil

Tamanho do texto Aa Aa

As sanções levam a Rússia a virar-se para a China para a produção de aviões civis.

O vice primeiro-ministro russo, Dmitry Rogozin, revela que o país vai assinar em outubro uma parceria com a China para a produção do Sukhoi Superjet, o avião com capacidade para cem passageiros.

O objetivo é duplicar a produção do aparelho a partir de 2015.

O Sukhoi Superjet, apresentado como primeiro avião civil russo da era pós-soviética, é um projeto internacional. Um dos parceiros é a italiana Finmecanica.

De acordo com a agência Inter-Tass, as encomendas ascendem já a 73 aparelhos e a capacidade de produção na Rússia é de 23 aviões por ano.