Última hora

Última hora

Frágil cessar-fogo na Ucrânia, mas mantido

Em leitura:

Frágil cessar-fogo na Ucrânia, mas mantido

Tamanho do texto Aa Aa

O cessar-fogo na Ucrânia é frágil, mas mantém-se. Autoridades em Kiev acusaram os rebeldes de violações esporádicas mas garentem que plano de paz em vigor desde sexta está a ser respeitado especialmente perto do porto de Mariupol.

Esta zona é agora controlada pelo exército ucraniano. As crianças estão a ir à escola e a situação é calma

“Em geral, a situação permanece estável. Os dois lados estão a respeitar globalmente o cessar-fogo. Este é o primeiro dia relativamente calmo no leste da Ucrânia. Mas, entretanto, os terroristas estão a reforçar as suas posições.”

O Exército ucraniano listou cinco violações da trégua por parte dos separatistas de domingo para segunda-feira, enquanto os separatistas acusam as forças do governo de se preparar para invadir uma localidade perto de Donetsk, o pólo industrial da região e seu principal reduto.

Em Moscovo, o representante da diplomacia russa, Sergei Lavrov defende : “Os países ocidentais não têm que dar carta branca à autoridade ucraniana que lhes permita agir de maneira a esquecer o fato de que a implementação do acordo alcançado é a condição fundamental para a firme de liquidação de qualquer conflito.”

Mais de 3.000 mortos, incluindo as 298 vítimas da queda do avião da Malásia é o balanço oficial desta guerra. A trégua é no entanto muito fragil e numa primeira fase parece estar a ter influência sobre a agenda negocial.

Como relata o correspondente da euronews no terreno ambos os lados testam os nervos do outro e algo maior se prepara.

“Quando os confrontos esporádicos ocorrem durante um cessar-fogo ou os dois lados estão a testar-se mutuamente e a tentar influenciar as negociações ou, segundo a visão mais pessimista de muitos ucranianos, algo maior que vai além da linha de frente atual está a ser preparado”.