Última hora

Última hora

Polícia estónio acusado de espionagem na Rússia

Em leitura:

Polícia estónio acusado de espionagem na Rússia

Tamanho do texto Aa Aa

A Justiça russa acusou formalmente de espionagem um polícia estónio detido na passada sexta-feira em circunstâncias contestadas por Moscovo e Talin.

Segundo o advogado, Eston Kohver enfrenta uma possível pena de prisão de até 20 anos.

Segundo os serviços secretos russos, o polícia estónio foi capturado na posse de uma arma de fogo, munições, cinco mil euros e “material aparentemente destinado a uma missão de espionagem”.

O FSB russo, que anunciou a detenção de Kohver no noroeste da Rússia, junto à fronteira com a Estónia, disse que o polícia se encontrava já em território russo.

Mas as autoridades estónias contestam e afirmam que foi “capturado por desconhecidos vindos da Rússia” e que foi “sequestrado à mão armada”, quando se encontrava “de serviço em território estónio”.