Última hora

Última hora

Londres: Vivienne Westwood pelo Clã do Tartã

Em leitura:

Londres: Vivienne Westwood pelo Clã do Tartã

Tamanho do texto Aa Aa

À boa maneira inglesa, Londres abre a porta do Regent’s Park e puxa as cadeiras da primeira fila para o desfile de Alice Temperley, na Semana de Moda.

Azul claro e rosa pastel, de mãos dadas com o conforto. O preto e branco chegaram combinados com um corte elegante. A coleção primavera/verão 2015 desfilou descontraída, calçou os sapatos baixos, nas calmas, preferiu tecidos folgados e vestiu os tons pastéis do verão.

Vivienne Westwood usou a passerelle para fazer campanha pela independência da Escócia: “Temos esperança que a Escócia possa ser um modelo para a fé no futuro e para o desenvolvimento. Onde exista uma democracia do povo, em vez da política do lucro, do negócio e da destruição.”

Westwood, sempre muito influenciada pelos trajes históricos da nação, desde o tartã até às coroas, enviou as modelos com os emblemas do “Sim”, num ponto de vista claro sobre o referendo escocês.

Um desfile atrevido, como sempre, com corpetes, blusas e vestidos bem drapeados e micro calções. Os vestidos de noite apareceram com estampas florais de verão. Vivienne Westwood, pelo clã do tartã, na Semana de Moda de Londres.