Última hora

Última hora

Iraque: Obama desmente operações militares internacionais no terreno

Em leitura:

Iraque: Obama desmente operações militares internacionais no terreno

Tamanho do texto Aa Aa

Barack Obama desmentiu que possa haver operações no terreno, no combate aos jihadistas do Estado Islâmico.

O presidente norte-americano voltou a falar no assunto depois de ontem as chefias militares norte-americanas terem admitido essa hipótese.

“Utilizaremos a nossa força aérea. Vamos treinar e equipar os nossos parceiros. Vamos aconselhá-los e apoiá-los. Vamos liderar uma coligação de países estrangeiros que têm um papel neste conflito, porque não é apenas a América contra o Estado Islâmico. São as pessoas da região contra o Estado Islâmico, a rejeitarem a brutalidade do Estado Islâmico”.

Um discurso perante os soldados na base aérea de Tampa, na Florida, em que Obama fez tudo para galvanizar as tropas:

“Nós cumprimos o que dizemos. Quem ameaça a América não terá porto seguro. Nós vamos encontrá-lo, eventualmente…”

Obama anunciou que mais de 40 países ofereceram cooperação neste esforço para derrotar o Estado Islâmico. Muitos fornecem apoio aéreo e a França e o Reino Unido vão participar nos raides aéreos sobre o Iraque.