Última hora

Última hora

Refugiados sírios concentram-se na fronteira turca

Em leitura:

Refugiados sírios concentram-se na fronteira turca

Tamanho do texto Aa Aa

A Turquia está a enfrentar uma crise de refugiados sem precedentes, com milhares de pessoas a querer, todos os dias, deixar a Síria.

Impedidos de entrar na Turquia, muitos amontoam-se junto à fronteira, onde os soldados turcos lhes dão água e pão através do arame farpado.

A situação na Síria, já afetada por uma guerra civil, piorou desde a entrada em cena do Estado Islâmico: “Os tanques do Estado Islâmico atacaram a nossa aldeia. bombardearam as nossas casas. Ouvíamos os tanques enquanto fugíamos. Os soldados do Estado Islâmico entraram na aldeia, quando estávamos a ir embora olhámos para trás e vimos as casas a arder”, conta um homem.

A Turquia recebeu mais de 3000 refugiados sírios, como resultado dos últimos combates. A concentração de pessoas junto à fronteira, na região de Suruc, fez com que tenha havido confrontos com as autoridades. Houve mesmo disparos por parte dos militares turcos.

As forças do Estado Islâmico capturaram 21 aldeias curdas, nesta região, em apenas 24 horas.