Última hora

Última hora

Homenagem às vítimas de Westgate Mall

Em leitura:

Homenagem às vítimas de Westgate Mall

Tamanho do texto Aa Aa

O Quénia comemora o ataque terrorista ao centro comercial Westgate Mall, em Nairobi, que fez 71 mortos, entre 21 e 24 de setembro de 2013.

Artistas quenianos renderam homenagem às vítimas, declamando poemas e recordando testemunhos de sobreviventes.

Uma cerimónia que permitiu colocar algumas das questões difíceis, como sublinhou o director artístico Mugambi Nthiga:

“Um dos textos coloca a questões sobre a possibilidade de voltar a acontecer uma tragédia igual ou mesmo pior.. pergunta ‘onde estão eles?’, ‘vão regressar?’. São as perguntas que todos fazemos.”

O assalto foi reivindicado pela organização armada islamista Al-Shabab, que actua na vizinha Somália.

Os rebeldes armados atacaram o centro comercial com o objectivo de forçar o Quénia a abandonar as incursões militares contra islamistas radicais em território da Somália.

A Al-Shabab controlou o Mogadíscio e o sul da Somália entre 2006 e 2011, tendo sido expulsa da capital pelas forças de manutenção da paz destacadas pela União Africana.

As forças da União Africana lançaram este ano uma nova ofensiva, procurando expulsar os extremistas de posições que ainda controlam.