Última hora

Última hora

60 mil refugiados sírios cruzam a fronteira turca em 24 horas

Em leitura:

60 mil refugiados sírios cruzam a fronteira turca em 24 horas

Tamanho do texto Aa Aa

O avanço do grupo armado Estado Islâmico na Síria, está a provocar uma nova vaga de refugiados.

Segundo o vice-primeiro-ministro turco, cerca de 60 mil pessoas terão cruzado a fronteira do país, nas últimas 24 horas, depois do grupo islamita ter tomado cerca de 60 povoações curdas em território sírio.

Desde sexta-feira que Ancara decidiu permitir a passagem dos refugiados, a maioria curdos.

“Escapei à tirania dos combatentes islamitas. Tivemos que partir com família e crianças e deixar as nossas casas para trás, abandonar tudo o que tínhamos, lojas, trabalho, por causa da crueldade do Estado Islâmico”, afirma um refugiado sírio.

O novo êxodo ocorre quando a Turquia acolhe já mais de 850 mil refugiados do conflito e quando os combatentes islamitas prosseguem a batalha para tomar a cidade de Ain al-Arab, a terceira maior cidade curda da Síria.

“Começámos a ver as bombas a cair e os homens do Estado Islâmico que avançavam sobre a cidade e decidimos escapar o mais rapidamente possível”, afirma outro refugiado.

Em resposta ao avanço do grupo islamita, centenas de combatentes curdos terão feito o caminho inverso dos refugiados, nos últimos dias, para defender a cidade de Ain al-Arab.

A instabilidade junto à fronteira turca ocorre num momento em que Ancara permanece fora da coligação militar internacional responsável por vários bombardeamentos contra posições do Estado Islâmico, por enquanto, apenas no Iraque.