Última hora

Última hora

Estudantes ocupam governo de Hong Kong para pedir mais democracia a Pequim

Em leitura:

Estudantes ocupam governo de Hong Kong para pedir mais democracia a Pequim

Tamanho do texto Aa Aa

Centenas de estudantes tomaram de assalto a sede do governo de Hong Kong ao final de uma semana de greve para exigir eleições livres em 2017.

O protesto foi marcado por incidentes com a polícia que recorreu a gás mostarda para tentar dispersar a manifestações.

Várias pessoas foram detidas durante a ação, entre as quais o líder do movimento estudantil pró-democracia, Joshua Wong de 17 anos. Os confrontos provocaram pelo menos quatro feridos ligeiros.

Esta noite, dezenas de manifestantes permaneciam dentro do edifício do governo, rodeados por centenas de polícias.

Na origem dos protestos que duram há uma semana está a decisão da China de selecionar os candidatos às próximas eleições para o governo de Hong Kong em 2017. Uma situação inaceitável para os estudantes que reclamam um sufrágio livre na antiga colónia britânica, sem limite de candidatos e sem uma escolha determinada por Pequim.