Última hora

Última hora

Eleições na Ucrânia com sangue novo

Em leitura:

Eleições na Ucrânia com sangue novo

Tamanho do texto Aa Aa

As eleições previstas para o dia 26 de outubro, na Ucrânia, têm caras novas, líderes sedentos de reformas.

Ex-jornalistas, ativistas e comandantes militares preparam a campanha eleitoral cheia de sangue novo, partidos preocupados em responder às aspirações de paz e segurança dos ucranianos.

Mustafa Nayem, ex-jornalista, cuja página Facebook atraiu milhares de pessoas a Maydan liderou o movimento de civis concorre ao MP.

“Considerando-se que mais de 15 pessoas correm com o mesmo propósito, mas com diferentes partidos, há uma oportunidade para mudar este sistema. O nosso sucesso dependerá da nossa persistência”.

Este será o pimeiro escrutínio desde a chegada do atual governo de Kiev ao poder, após a queda do regime pró-Rússia de Viktor Yanukovich em fevereiro na sequência de três meses de protestos.

De acordo com as sondagens, o “bloco Petro Poroshenko” do atual presidente do país, lidera a preferência dos eleitores, com 26,9% dos votos.