Última hora

Em leitura:

A "selfie-mania" invade Meca


mundo

A "selfie-mania" invade Meca

Durante a peregrinação, desta que é a maior celebração do calendário islâmico, a Hajj, a tendência do autoretrato – fenómeno que invadiu as redes sociais – instalou-se também entre os muçulmanos em Meca.

Um crescente número de muçulmanos no Hajj publicam diariamente as suas fotografias na perspectiva de partilhar com amigos e familiares os momentos da peregrinação.

Esta prática, que inclui o envio de imagens em torno da Kaaba em Meca, um dos locais mais sagrados do Islão, estará a perturbar os clérigos.

O clérigo saudita Al-Hakeem denuncia : “Ao difundirem esses autoretratos e vídeos estão a desafiar o desejo do nosso profeta”.

Um analista, Al-Hakeem disse à Arabya News: “Fotografias sem uma razão legítima é uma questão de disputa entre os estudiosos. No entanto, apesar dessa diferença de opinião, não deve haver qualquer controvérsia quando se trata do verdadeiro significado do Haj e da essência por trás dele.








Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Tudo o que precisa saber sobre a Catalunha