Última hora

Última hora

Manifestações em prol do modelo de família tradicional e contra o preconceito

Em leitura:

Manifestações em prol do modelo de família tradicional e contra o preconceito

Tamanho do texto Aa Aa

Milhares de pessoas desfilaram nas cidades de Paris e de Bordéus em defesa do “modelo tradicional” de família.

Na mira dos manifestantes a legalização das barrigas de aluguer e procriação assistida a casais do mesmo sexo, em França.

“Dois homens conhecem-se, juntam-se ao fim de duas semanas e logo a seguir querem ter um filho. O que acontece com a criança quando se separam? O mesmo se aplica às mulheres. Não está certo. Deus criou o homem e a mulher” refere um manifestante francês.

Uma iniciativa que de acordo com os organizadores reuniu 500 mil pessoas, a polícia fala em cerca de 70 mil.

Em Paris e em Bordéus, foram também muitos os que se manifestaram contra o que chamam de preconceito.

“As pessoas que marcham contra a igualdade estão simplesmente a dizer que só existe um único modelo de família, ou seja, ou a pessoa se integra ou é excluída. Mas este modelo não se aplica à maioria das famílias em França. A família é algo que se resume ao amor” afirma Guillaume Bonnet, porta-voz da associação All Out, que luta pela defesa dos Direitos das pessoas LGBT.

A associação All Out que até 2013 se bateu, em França, pelo casamento entre pessoas do mesmo sexo promete voltar à rua para dizer basta de discriminação.