Última hora

Última hora

"Last Hijack" mistura documentário e animação 3D

Em leitura:

"Last Hijack" mistura documentário e animação 3D

Tamanho do texto Aa Aa

O documentário “Last Hijack” recorre a um dispositivo original para contar a vida de um pirata da Somália.

O filme do norte-americano Tommy Pallotta mistura várias cenas da vida quotidiana do protagonista com animação 3D.

A história gira em torno das próprias dúvidas do pirata que não sabe se deve ou não mudar de vida.

“Os pais dele queriam que ele parasse a pirataria e a noiva dele também mas ao mesmo tempo todos queriam dinheiro. No filme ele prepara o casamento e tenta reatar a relação com os pais e com os filhos. Ao mesmo tempo prepara um ataque e diz para si próprio: se eu conseguir fazer este último ataque depois paro de vez”, contou Tommy Pallotta.

“Usámos as telas de um pintor holandês que faz pintura a óleo e integramos essas telas no mundo da animação 3D o que dá um toque mais humano ao filme. Isso relativizou o lado mais matemático da animação e mudou a palete de cores. Foi uma grande mudança. O nosso objetivo era alternar entre cenas de ação e cenas de animação sem perder a atenção do público”, acrescentou o realizador.

“Last Hijack” estreou nalgumas salas de cinema nos Estados Unidos e está disponível na Internet. Além do documentário, o projeto inclui uma versão multimédia interativa.