Última hora

Última hora

Primeiro contágio de Ébola na Europa

Em leitura:

Primeiro contágio de Ébola na Europa

Tamanho do texto Aa Aa

Uma enfermeira espanhola está internada em Madrid com Ébola – Este é um caso muito especial, já que foi a primeira vez que o contágio se deu fora de África.

A enfermeira fez parte da equipa que tratou dois padres espanhóis que tinham contraído o vírus em África e morreram já em Espanha.

A mulher terá contraído o vírus ao tratar de Manuel García Viejo, um padre que regressou de Serra Leoa e morreu em Madrid no dia 25 de setembro.

As autoridades sanitárias estão a tentar perceber como se deu o contágio e com quem é que a enfermeira esteve em contacto: “Estamos a vigiar todas as pessoas com quem ela esteve em contacto, a tentar perceber que tipo de contacto houve e se foram tomadas todas as medidas de proteção adequadas, como o isolamento e a medição da temperatura duas vezes por dia, durante 21 dias”, disse Antonio Alemay, chefe da divisão de tratamentos primários da região de Madrid.

Entretanto, o marido da enfermeira foi colocado em quarentena. Este foi o primeiro caso de contágio ocorrido na Europa. Há casos de pessoas internadas com Ébola em várias partes do mundo, incluindo nos Estados Unidos, mas até agora o contacto com o vírus ocorreu sempre em África.

Esta noite, deve chegar à Noruega uma mulher que contraiu o vírus na Serra Leoa. Os peritos dizem que há grandes possibilidades de o vírus chegar, ainda este mês, a França e ao Reino Unido.