Última hora

Última hora

Síria: bombardeamentos internacionais fazem recuar islamitas em Kobani

Em leitura:

Síria: bombardeamentos internacionais fazem recuar islamitas em Kobani

Tamanho do texto Aa Aa

A coligação militar internacional prossegue os bombardeamentos sobre a Síria e o Iraque, com a participação, pela primeira vez de quatro dos oito caças F-16 holandeses mobilizados para a operação.

Os aparelhos bombardearam ontem várias posições do grupo Estado Islâmico no Iraque, quando a coligação renovou os ataques sobre posições islamitas na Síria.

O responsável da Força Aérea holandesa, Theo Ten Haaf, afirma que os caças do país visaram ontem, “quatro veículos todo-o-terreno equipados com metralhadoras que estavam a ser utilizados para atacar os combatentes curdos do Iraque”.

Em Kobani, junto à fronteira entre a Síria e a Turquia, os milicianos curdos que protegem a cidade afirmam que os bombardeamentos internacionais fizeram recuar os combatentes para os arredores da localidade.

Trata-se do primeiro recuo dos islamitas após três semanas de confrontos, quando os combates prosseguem, sob o olhar atento do exército turco, do outro lado da fronteira, que não parece disposto a intervir apesar dos apelos da população curda.