Última hora

Última hora

Sexagenário anima pistas de dança ao ritmo de Alex Metric

Em leitura:

Sexagenário anima pistas de dança ao ritmo de Alex Metric

Tamanho do texto Aa Aa

Glenn Bruno é um viúvo de Los Angeles, Estados Unidos, que aos 60 anos está a dar que falar pela inspiradora presença no videoclip de “Heart Weighs a Ton”, o mais recente single do músico, DJ e produtor britânico, Alex Metric. Dois anos após perder a mulher, Robin, de 51 anos, e sem filhos, Glenn decidiu reformatar a sua vida, em 2011, e é agora uma estrela no Youtube.

“O amor da minha vida morreu há 5 anos”, refere o sexagenário, na emotiva introdução ao videoclip do tema cuja tradução direta do título pode ser entendida como “O coração pesa uma tonelada”. Glenn prossegue no seu monólogo de pouco mais de 20 segundos: “Fiquei deprimido. Mas há 3 anos dediquei-me a seguir os meus sonhos. Tornei-me um artista, um dançarino. É por isso que o faço: eu danço por Robin”, completa, antes de dar início a a uma coreografia que procura relatar a sua história sob a nova música de Alex Metric.

“Muitas vezes, para canções eletrónicas de dança, os vídeos são muitas vezes descartáveis e um pouco até anedóticos -raparigas sensuais com pouca roupa e esse tipo de estímulos. Com “Heart Weighs a Ton”, tentámos colocar na canção também algum peso. Qualquer coisa que desse maior significado à música. Ter um vídeo que a complementa desta forma é… foi uma sorte termos encontrado o Glenn”, admite Alex Metric, famoso sobretudo pelas remisturas efetuadas para temas de projetos como os Depeche Mode, Gorillaz ou Bloc Party.

Remistura de “Heart Weighs a Ton”, por Cassian

O produtor britânico, que trabalhou neste tema com o músico que lhe dá voz, Stefan Storm, conta que estavam a “tentar escrever uma música que fosse mais universal do que as habituais histórias de amor rapaz/ rapariga, que regra geral aparecem nas músicas de dança e que, de certa forma, parecem ser sempre o conteúdo das canções de amor”. “Queríamos uma canção com que toda a gente se pudesse relacionar. Mais do que de estar apaixonado, ela falasse de amizade, de solidariedade e… sim, queria simplesmente afastar-me das tristes canções de amor”, assume Alex Drury, o homem que dá corpo a Metric.

Quanto a Glenn Bruno, o primeiro impacto junto dos produtores surgiu através da gravação que o sexagenário lhes enviou em resposta ao anúncio a pedir pessoas apaixonadas pela dança para participar no videoclip. Chamado para um teste ao vivo, Glenn dançou ao som de “Sex Machine”, de James Brown, e foi o escolhido.

O argumento do videoclip para “Heart Weighs a Ton” estava pensado para incluir três histórias distintas. O impacto da história de vida de Glenn foi tal, que os realizadores Zach Shields e Jack Wagner decidiram que só a história verídica deste sexagenário era suficiente para aguentar o vídeo. Agora, Glenn Bruno passa algumas das suas noites na sua casa, no “east side” de Los Angeles, a ler os comentários que vão surgindo sob o videoclip publicado a 19 de agosto no canal oficial de Alex Metric no Youtube.

O single “Heart Weighs a Ton”, de Alex Metric e com participação de Stefan Storm, acaba de ser lançado na Europa e, com a ajuda de um sexagenário cheio de ritmo no corpo, promete abalar as pistas de dança e inspirar mais pessoas a não desistir de seguirem os sonhos.