Última hora

Última hora

Manifestações na Turquia são uma "conspiração internacional"

Em leitura:

Manifestações na Turquia são uma "conspiração internacional"

Tamanho do texto Aa Aa

A defesa de Kobani não é da responsabilidade da Turquia. É desta forma que o chefe de Estado turco responde aos manifestantes pro-curdos que, este sábado, voltaram às ruas de Istambul.

As ações de protesto que sacudiram o país, ao longo da última semana, provocaram cerca de 40 mortos e centenas de feridos. Incidentes que, de acordo com Recep Tayyip Erdogan, são fruto de uma conspiração internacional.

Em Dusseldorf, na Alemanha, 20 mil pessoas exigiram a abertura de um corredor humanitário na cidade curda na fronteira da Síria com a Turquia. Ao governo alemão, pediram que exerça pressão sobre Ancara para garantir a entrada de ajuda humanitária em Kobani.

“Resistência” foi uma das palavras, hoje, mais ouvidas nas ruas de Paris. Milhares de pessoas participaram numa marcha entre as praças da República e da Bastilha em defesa do povo curdo.