Última hora

Última hora

Bósnia e Herzegovina: Nacionalistas lideram resultados provisórios das eleições gerais

Em leitura:

Bósnia e Herzegovina: Nacionalistas lideram resultados provisórios das eleições gerais

Tamanho do texto Aa Aa

A Comissão Eleitoral Central divulgou os primeiros resultados parciais das eleições gerais que decorreram, domingo, na Bósnia e Herzegovina.

Escrutinada 76,52 % da votação, o candidato muçulmano nacionalista à presidência tripartida, Bakir Izetbegovic, tinha recolhido 33% dos votos.

Perante as câmaras, referiu mais uma vez as suas prioridades.

“Tirar a Bósnia da estagnação e avançar para as reformas, para a integração Euro-Atlântica, lutar decisivamente contra a corrupção e o crime, e sobretudo dispensar energia na reconstrução da economia e na luta contra o desemprego”, disse o candidato muçulmano.

Dragan Covic, o candidato croata ao colégio presidencial, registava 52% dos votos.

Zeljka Cvijanovic, candidata sérvia, tinha conseguido 49% dos votos, mas com uma vantagem mínima que poderá colocar em risco ser a primeira mulher a participar na presidência tripartida do país.

Cerca de 3,3 milhões de bósnios foram chamados a votar para o Parlamento central, as assembleias da entidade sérvia e croato-muçulmana e a presidência tripartida, escolhendo entre cerca de 7900 candidatos de 65 partidos.