Última hora

Última hora

EUA: polícia detém dezenas de manifestantes durante campanha de protestos em Ferguson

Em leitura:

EUA: polícia detém dezenas de manifestantes durante campanha de protestos em Ferguson

Tamanho do texto Aa Aa

Pelo menos 50 manifestantes foram detidos, esta segunda-feira em Ferguson, em Saint Louis, durante um novo protesto contra a violência policial.

Dois meses após a morte do adolescente Michael Brown, alvejado por um polícia, centenas de pessoas prosseguem uma campanha de ocupações de vários edifícios na cidade para exigir responsabilidades às autoridades.

O protesto de segunda-feira tinha sido convoado por um coletivo denominado, “outubro de Ferguson”, formado por ativistas, líderes religiosos e sindicatos locais.

“Estou aqui hoje porque sou uma pastora evangélica, e porque acredito que todas as vidas e todos os cidadãos negros são importantes e que nenhum dos nossos filhos deve temer sair à rua. Não podemos perder outra criança ou adolescente de cor às mãos da brutalidade da polícia”, afirma uma manifestante.

“A minha mensagem nesta manifestação? Que temos que sair à rua de cada vez que algo assim ocorre, quando os nossos estudantes são afastados das escolas para as prisões, quando são enviados para a rua e para o cemitério. Temos que sair à rua para defendê-los”, afirma outro ativista.

Desde os primeiros protestos em Agosto que a polícia tenta rebater as críticas à violência da ação dos seus agentes, armados com equipamento militar.

As tensões foram reavivadas na semana passada após a morte de um segundo adolescente negro, Vonderrit Myers Jr, igualmente abatido pela polícia.