Última hora

Última hora

França: Ministério Público exige prisão para ex-autarca por homicídio

Em leitura:

França: Ministério Público exige prisão para ex-autarca por homicídio

Tamanho do texto Aa Aa

O Ministério Público francês pediu esta quarta-feira ao tribunal a prisão de René Marratier, antigo presidente da Câmara de La Faute-sur-Mer engre 1989 e 2014, e também Françoise Babin, vereador do urbanismo no respetivo executivo autárquico, por “homicídio involuntário”. O procurador Gilbert Lafaye pede para o antigo edil uma pena de três anos de prisão efetiva, mais um ano de pena de suspensa e ainda uma indemnização de 30 mil euros.

Em causa está a tempestade “Xyanthia”, que na noite de 28 de fevereiro de 2010 se abateu sobre aquela região, na costa oeste de França, provocando cheias e deixando um rasto de 29 mortos na estância balnear de Vendée.

O antigo autarca e o vereador são acusados de um certo “frenesim imobiliário” no respetivo mandato e terem autorizado de forma negligente a construção desmesurada de habitações em zonas sob forte risco de inundação. Foi em algumas destas zonas de perigo que sucumbiram as vítimas da “Xyanthia”, algumas enquanto dormiam.