Última hora

Última hora

Orçamento francês para 2015 vai ser examinado à lupa em Bruxelas.

Em leitura:

Orçamento francês para 2015 vai ser examinado à lupa em Bruxelas.

Tamanho do texto Aa Aa

Fontes próximas do executivo da UE já deixaram claro que a Comissão Europeia provavelmente irá pedir alterações às contas de Paris.

O debate sobre as contas públicas começou ontem à noite na capital francesa com grandes divisões, incluindo no seio socialista. François Hollande e Manuel Valls têm pouca margem de manobra para as pressões externas que pedem mais cortes e as internas que exigem exatamente o oposto.

Os números apresentados pelo ministro das Finanças, Michel Sapin, não convencem Bruxelas nem as agências de notação, como a Fitch, que está a considerar baixar a nota francesa.
O corte de 21.000 milhões, apresentado como equilibrado, parece insuficiente para garantir os critérios de convergência.

Em plena desaceleração económica, a França pretende reduzir o seu défice para 3% em 2017, e não em 2015, como tinha sido acordado com Bruxelas.