Última hora

Última hora

Umeå: A capital da guitarra elétrica

Em leitura:

Umeå: A capital da guitarra elétrica

Tamanho do texto Aa Aa

A cidade sueca de Umeå tem o maior museu dedicado a guitarras elétricas, desde janeiro passado. Uma cidade com apenas 120 mil habitantes, entre eles estão os irmãos Ahden, donos de uma das maiores coleções particulares de guitarras, do mundo. Agora, estão em exposição no museu. Samuel Ahden, conta a história: “Quando comprámos a Les Paul Sunburst, de 1960, já tínhamos um grande empréstimo bancário. Não podíamos ir ao banco pedir mais dinheiro. Então, vendemos toda a nossa coleção por uma guitarra. E, começámos tudo de novo.”

Os irmãos Ahden são apaixonados pelas guitarras desde muito jovens. Eric Clapton, Jimi Hendrix e Brian Jones são alguns dos seus ídolos. Recordam como começaram a coleção, na altura que conheceram alguém envolvido na importação de guitarras dos EUA: “Fomos no carro do nosso pai, um grande Ford e escolhemos 43 guitarras diferentes. Não pagamos nada, nem assinamos nenhum contrato, apenas um aperto de mão. Quando chegamos a casa, vendemos 38 guitarras e ficámos com as sete mais caras. Foi assim durante 20 anos”.

Continuam à procura de alguns modelos com que sempre sonharam, como a Gibson Explorer de 1958, existem apenas 22 exemplares: “Umeå é bastante ao norte. Não temos grandes músicos na nossa cidade, mas talvez possamos convencer o Clapton a vir aqui dar um concerto.” Os gémeos não desvendam o valor da coleção, porque não tencionam vendê-la.