Última hora

Última hora

Farage perde eurodeputada e vê dissolvido o seu grupo eurocético

Em leitura:

Farage perde eurodeputada e vê dissolvido o seu grupo eurocético

Tamanho do texto Aa Aa

O grupo eurocético do Parlamento Europeu liderado pelo britânico Nigel Farage dissolveu-se, esta quinta-feira, depois da saída da eurodeputada da Letónia, Iveta Grigule, que se tornou independente.

Com esta saída, o grupo Europa da Liberdade e da Democracia Direta deixa de ter eurodeputados de pelo menos sete Estados-membros, como exige o regulamento parlamentar.

Com Iveta Grigule, o grupo tinha até agora 48 eurodeputados. Destes, metade são filiados no Partido da Independência do Reino Unido, que considera a União Europeia demasiado intrusiva e defende a repatriação de vários dos seus poderes para os governos nacionais.

Analistas políticos dizem que esta dissolução poderá levar à constituição de um novo grupo, mas de extrema-direita.

A francesa Marine Le Pen e o holandês Gert Wilders poderão voltar a tentar reagrupar deputados de sete países através do convite a alguns membros do até agora grupo Europa da Liberdade e da Democracia Direta.