Última hora

Última hora

Putin ameaça reduzir abastecimento de gás à Europa

Em leitura:

Putin ameaça reduzir abastecimento de gás à Europa

Tamanho do texto Aa Aa

Os comentários do presidente russo foram feitos numa conferência de imprensa na capital da Sérvia, Belgrado, esta quinta-feira.

O líder russo foi acompanhado pelo primeiro-ministro sérvio Aleksandar Vucic.

“Se virmos que os nossos parceiros ucranianos, como aconteceu em 2008, começarem a retirar gás dos gasodutos sem licença, nós, tal como em 2008, vamos começar a reduzir o volume com base na quantidade de gás roubado”, afirmou Vladimir Putin.

Após a conferência, Putin, na companhia do presidente sérvio Tomislav Nikolic, participou na parada militar para assinalar os 70 anos da libertação da cidade da ocupação nazi na Segunda Guerra Mundial.

O evento contou com a participação de três milhares de soldados sérvios assim como a exibição de armamento pesado e acrobacias aéreas.

De recordar que em junho passado a Rússia interrompeu o abastecimento de gás à Ucrânia devido a desacordos sobre o preço e o montante elevado da dívida.

Um terço do gás que entra na Europa é proveniente da Rússia.

Nos últimos 10 anos, o abastecimento de gás russo à Europa sofreu interrupções, em 2006 e 2009. Na origem dos cortes estiveram sempre divergências entre a Rússia e a Ucrânia.