Última hora

Última hora

México: detido líder de cartel suspeito pelo desaparecimento de 43 estudantes

Em leitura:

México: detido líder de cartel suspeito pelo desaparecimento de 43 estudantes

Tamanho do texto Aa Aa

Mais de meia centena de pessoas foram detidas no México suspeitas de estarem envolvidas no desaparecimento de 43 estudantes há três semanas.

Entre elas estão dezenas de polícias, o líder do cartel autodenominado Guerreiros Unidos e vários elementos do grupo.

É a resposta das autoridades aos protestos que se estendem um pouco por todo o país e numa altura em que a tensão social é cada vez maior.

Ontem, centenas de pessoas saíram à rua em Acapulco para pedir maior celeridade na investigação.

Os manifestantes alertam, ainda, para a necessidade de combater a corrupção e o narcotráfico no país.

“O povo está farto. Os narcotraficantes estão infiltrados em todas as instituições. São eles quem manda e dizem o que deve feito ou não” refere um manifestante.

Os jovens – com idades entre os 17 e os 21 anos – desapareceram a 26 de setembro, na cidade de Iguala, a cerca de 200 quilómetros da capital mexicana, depois de se terem envolvido em confrontos com a polícia municipal. Na altura, seis pessoas morreram e 25 ficaram feridas.