Última hora

Última hora

Ébola: paciente espanhola em "fase de recuperação"

Em leitura:

Ébola: paciente espanhola em "fase de recuperação"

Tamanho do texto Aa Aa

A primeira paciente infetada com Ébola em solo europeu poderá ter entrado em fase de recuperação.

O hospital de Madrid, onde se encontra internada Teresa Romero, afirmou que a auxiliar de enfermagem foi submetida a um novo teste ao vírus com resultado negativo, este domingo.

Um novo exame nas próximas 24 horas deverá permitir confirmar o primeiro resultado, quando os ministros dos Negócios Estrangeiros da União Europeia se reúnem esta segunda-feira, no Luxemburgo, para discutir uma ação coordenada a nível europeu.

Segundo algumas fontes, os responsáveis europeus pretendem articular a ajuda internacional através de três países centrais: Estados Unidos para a situação na Libéria, Reino Unido para a situação na Serra Leoa e França para a situação na Guiné-Conacri.

Para o responsável da diplomacia alemã, Frank Walter Steinmeier, é necessário, antes de mais, enviar uma única missão europeia para as zonas mais afetadas:

“A magnitude desta crise exige uma resposta coordenada que recorra a todos os instrumentos da nossa política externa comum. Devemos considerar mobilizar uma missão civil da UE que permitiria a países que não têm equipas no terreno de poderem dispor de uma plataforma para enviar pessoal médico”, afirmou Steinmeier durante uma reunião da OMS (Organização Mundial de Saúde) em Berlim.

Depois do Reino Unido e da França, a Bélgica já anunciou que vai reforçar os seus controlos sanitários nos aeroportos a partir desta segunda-feira.

Os Estados Unidos preparam-se para anunciar igualmente esta segunda-feria um novo protocolo de urgência que deverá incluir a necessidade de reforçar a proteção da pele e od cabelo do pessoal médico exposto a doentes com Ébola.