Última hora

Última hora

Pedro Almodovar vence prémio Lumière

Em leitura:

Pedro Almodovar vence prémio Lumière

Tamanho do texto Aa Aa

Dezenas de estrelas do mundo do cinema juntaram-se na cidade francesa de Lyon para homenagear Pedro Almodovar. O realizador espanhol recebeu o prémio Lumière pelo conjunto da obra.

Além do galardão, Almodovar recebeu as juras de amor de Elena Anaya, protagonista de “A pele onde eu vivo” e de Rosy de Palma, considerada como a musa do realizador de “Saltos Altos”.

“Pedro, meu querido, aqui vai a minha declaração de amor, em francês é mais romântico: Je t’aime”, disse Elena Anaya. “Pedro, tu sabes que eu te adoro”, declarou Rosy de Palma.

“Devo agradecer a todas as pessoas que organizam este festival e especialmente ao público de Lyon que enche as salas. Isso é verdadeiramente admirável. Muito obrigado”, disse o realizador espanhol.

Além da homenagem, Pedro Almodovar teve carta branca para compor dois ciclos de cinema durante o festival, um ciclo dedicado ao cinema espanhol e um segundo com as grandes obras da sétima arte que inspiraram os seus próprios filmes

O realizador espanhol estreou-se com uma primeira longa-metragem em 1980. Pouco a pouco foi conquistando o público espanhol e além-fronteiras. “Mulheres à beira de um ataque de nervos” e “Ata-me” são alguns dos filmes mais celebres do cineasta espanhol que venceu dois óscares em 1999 e 2002 com “Tudo sobre a minha mãe” e “Fala com Ela”.