Última hora

Última hora

Râguebi: Michael Cheika sucede a McKenzie à frente da Austrália

Em leitura:

Râguebi: Michael Cheika sucede a McKenzie à frente da Austrália

Tamanho do texto Aa Aa

Michael Cheika está confirmado como novo selecionador de râguebi da Austrália. O primeiro objetivo do sucessor de Ewen McKenzie será preparar os “wallabies” para a conquista do terceiro título mundial, em Inglaterra, em setembro do próximo ano.

Primeiro, o novo selecionador terá, contudo, de acabar com a crise que se abateu sobre seleção e que levou, há poucos dias, à demissao de Ewen McKenzie após novo desaire diante da atual campeao do mundo, a Nova Zelândia.

Cheika apela aos adeptos: “Não vou arranjar desculpas para defender sempre a minha equipa. Agora, que estamos todos do mesmo lado, é importante que entendamos e que eu, sobretudo, entenda que temos de fazer o melhor trabalho possível em conjunto. Para os adeptos, somos todos responsáveis e eles são a força do râguebi australiano. Todos queremos que os adeptos tenham orgulho na equipa que todas as semanas se vai empenhar, quer perca, quer empate.”

Aos 47 anos, Cheika assinou por três épocas com a Federação, mas foi autorizado durante 2015 a cumprir também o derradeiro ano de contrato que tem os Waratahs. Com eles, o terceiro selecionador da Austrália em 15 meses vai defender, entre fevereiro e julho, o título de campeão de clubes do hemisfério sul conquistado este ano no torneio conhecido como “Super Rugby.”