Última hora

Última hora

Turquia: 200 'peshmerga' vão combater em Kobani

Em leitura:

Turquia: 200 'peshmerga' vão combater em Kobani

Tamanho do texto Aa Aa

A Turquia anunciou ter autorizado o envio de 200 combatentes curdos iraquianos para combater em Kobani, cidade síria assediada pelo grupo Estado Islâmico.

O acordo foi anunciado pelo presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, depois de uma conversa telefónica com Barack Obama.

Na quarta-feira, Erdogan criticou o envio de armas norte-americanas aos combatentes curdos que enfrentam os “jihadistas” na cidade fronteiriça.

“O que aconteceu nesse episódio foi um erro. E porque foi um erro? Porque algumas das armas largadas pelos c130 foram apanhadas pelo grupo Estado Islâmico”, declarou.

Citado pela agência de notícias Reuters, um dirigente curdo iraquiano afirmou que os Peshmerga vão estar equipados com armamento mais pesado do que geralmente utilizam os combatentes em Kobani.