Última hora

Última hora

Itália começa a julgar os responsáveis da fábrica ilegal onde morreram 7 chineses num incêndio

Em leitura:

Itália começa a julgar os responsáveis da fábrica ilegal onde morreram 7 chineses num incêndio

Tamanho do texto Aa Aa

Em Itália, arranca, esta sexta-feira, o julgamento dos proprietários e diretores de uma fábrica ilegal de roupa, onde um incêndio, em dezembro do ano passado, provocou a morte a sete trabalhadores chineses. Desde o fogo, as autoridades de Prato, localidade cerca de 20 km a noroeste de Florença, multiplicaram as inspeções a outras estruturas semelhantes. Na cidade, vivem 40 mil chineses, muitos ilegais.