Última hora

Última hora

Espanha: Políticos e empresários detidos por suspeita de corrupção

Em leitura:

Espanha: Políticos e empresários detidos por suspeita de corrupção

Tamanho do texto Aa Aa

As autoridades espanholas detiveram 51 pessoas em quatro regiões de Espanha numa larga operação de combate à corrupção.

Entre os detidos encontra-se o número dois do Partido Popular de Madrid, Francisco Granados, seis presidentes de câmara da região madrilena, e também o presidente da assembleia regional de León, Marcos Martinez Barazon, também do PP, entre outras personalidades, do mundo da política e dos negócios.

São suspeitos de pertencerem a uma rede que aceitava subornos em troca de favores políticos.

As comunidades de Madrid, Murcia, León e Valência são as mais atingidas pelo escândalo.

O presidente do parlamento espanhol, Jesús Posada, membro do PP, reagiu. “Lamento profundamente! Estas coisas não são boas mas insisto que a justiça é lenta mas não perdoa e no final tudo vem ao de cima e isso é bom para todos”, declarou.

De acordo com as autoridades, o valor das adjudicações obtidas de forma irregular ascende aos 250 milhões de euros.

O Partido Popular anunciou que vai suspender a militância de todos os membros envolvidos.