Última hora

Última hora

General assume funções de chefe de Estado interino no Burkina Faso

Em leitura:

General assume funções de chefe de Estado interino no Burkina Faso

Tamanho do texto Aa Aa

Os militares tomaram o poder no Burkina Faso. O chefe de Estado não resistiu à pressão popular dos últimos dias e acabou por apresentar a demissão.

Blaise Compaoré no poder há 27 anos tentou alterar a Constituição para prolongar o mandato, mas foi travado por uma multidão em fúria.

De acordo com as últimas informações, o até agora Presidente do Burkina Faso abandonou a capital e já se encontra no sul do país.

O chefe do Estado Maior das Forças Armadas vai liderar o governo de transição até que sejam convocadas novas eleições.

O general Honoré Traoré justifica a decisão com o vazio de poder criado após a saída do presidente e com a necessidade de salvaguardar a estabilidade da nação. Assim, e até às eleições
vai assumir as funções de chefe de Estado interino.

Face à onda de violência, as forças armadas anunciaram a dissolução do governo e do parlamento.

Resta saber se o general Traoré, um homem considerado próximo do até agora chefe de Estado, vai conseguir serenar os ânimos da população.