Última hora

Última hora

Londres acolhe mundo do turismo

Em leitura:

Londres acolhe mundo do turismo

Tamanho do texto Aa Aa

Decorre até esta quinta-feira em Londres a 35/a edição do World Travel Market, um dos maiores salões mundiais do turismo. Cerca de 200 novos expositores puseram no mapa destinos emergentes, mesmo no seio da Europa.

A Costa Adriática não é apenas Itália e Croácia, recorda a ministra albanesa do Turismo e Desenvolvimento Urbano, Eglantina Gjermeni: “Estamos a tentar obter o melhor investimento para desenvolver um turismo sustentável no país. Ao mesmo tempo, diferentes media consideram a Albânia a nova Croácia dos Balcãs”.

O evento não está imune à crise do Ébola. A Serra Leoa retirou-se desta edição, mas outros países africanos recordam que há destinos turísticos que continuam a ser seguros.

Elizabeth Ofusu-Agyare, ministra do Turismo do Gana, afirma: “A África Ocidental é grande, não é uma cidade. A África Ocidental é enorme e o Gana não tem Ébola. O Gana não registou casos de Ébola e não somos complacentes. Nos nossos aeroportos pusemos em prática medidas sanitárias. Quem tiver sintomas de Ébola não entra no país”.

O World Travel Market permite mostrar um setor dinâmico, com grande variedade e muitas oportunidades de negócio. É o caso do Equador. A ministra do turismo, Sandra Naranjo, revela: “Queremos tornar o turismo a segunda fonte de receitas do país e é muito importante uma transição para uma economia independente do petróleo. Para dar rapidamente uma visão. Estamos a investir dez vezes mais do que em 2006 e estamos a trabalhar, verdadeiramente, com o setor privado e o setor público, porque pensamos que o turismo é o futuro do país”.

Segundo a organização, a edição de 2013 saldou-se com negócios de 2,8 mil milhões de euros. E o número deverá subir este ano.

O jornalista Sebastian Saam explica que “a relevância do setor do turismo é também evidente pela participação de 160 países, que se deslocaram a Londres para mostrar as respetivas indústrias. E o crescente número de expositores recorre a apresentações inovadoras para convencer os 50 mil visitantes”.