Última hora

Última hora

Forças curdas pedem mais ajuda internacional

Em leitura:

Forças curdas pedem mais ajuda internacional

Tamanho do texto Aa Aa

Determinados no combate ao autoproclamado grupo Estado Islâmico, os peshmerga (combatentes curdos)recuperaram o controlo da cidade de Makmour, na região do Curdistão iraquiano.

Dista a mais de 100 quilómetros de Mossul e Arbil e encontra-se 50 quilómetros a norte de Kirkuk. Tornou-se na linha da frente da batalha dos combatentes curdos contra o inimigo.

Ainda que com armamento menos sofisticado, os peshmerga prosseguem a luta, mas com apelos de mais ajuda internacional.

“Precisamos de armas antitanque. Apelamos à ajuda da comunidade internacional, porque enquanto curdos e peshmerga estamos a sacrificar-nos por outros países na luta contra o terrorismo”, explica o major-general Raeed Thaer.

Os combatentes curdos disseram ao correspondente da Euronews no terreno que continuam a ser atacados por franco-atiradores e morteiros.

As forças do autoproclamado grupo Estado Islâmico são cada vez maiores. Um relatório das Nações Unidas alerta que nunca como agora o movimento jihadista atraiu tantos seguidores oriundos de tantos países.