Última hora

Última hora

França: manifestações em memória de ambientalista morto degeneram em violência

Em leitura:

França: manifestações em memória de ambientalista morto degeneram em violência

Tamanho do texto Aa Aa

A polícia francesa deteve mais de 20 manifestantes na cidade de Nantes e pelo menos 13 em Toulouse, envolvidos num protesto em memória do jovem ambientalista morto durante um confronto com as autoridades.

Várias pessoas acabaram por ficar feridas, resultado do braço de ferro violento, já condenado pelo primeiro-ministro francês e pelos habitantes locais.

Em menor escala, na cidade de Toulouse os manifestantes ergueram barricadas para bloquear o trânsito.

Os métodos de repressão utilizados pelas autoridades são um dos argumentos invocados para a realização dos protestos.

O jovem ambientalista Rémi Fraisse, de 21 anos, morreu na sequência da explosão de uma granada lançada pelas autoridades durante um protesto contra a construção de uma represa em Sivens, no sul do país.