Última hora

Última hora

Cimeira WISE distingue precursora da educação feminina em África

Em leitura:

Cimeira WISE distingue precursora da educação feminina em África

Tamanho do texto Aa Aa

A sexta edição da Cimeira Mundial da Inovação para a Educação em Doha, no Qatar, acabou de abrir portas. Cerca de 1500 participantes vieram de todo o mundo para um encontro cujo tema este ano tem o título de “Imaginar, Criar, Aprender: A Criatividade no Coração da Educação”. Outro ponto alto da iniciativa é a atribuição daquele que é considerado como uma espécie de Prémio Nobel da Educação.

Todas as atenções estão centradas na vencedora do galardão WISE 2014, que irá receber um prémio de meio milhão de dólares. O percurso de Ann Cotton impressionou o júri que destacou o seu empenho na promoção da educação das mulheres na África subsariana. Stavros Yiannouka, diretor executivo da WISE, salienta que “se olharmos para o trabalho que ela realizou ao longo da vida em África, é indiscutível que se trata de uma mulher que, através da sua dedicação e da sua organização, fez uma diferença enorme.”

O júri internacional é liderado pelo presidente da WISE, Abdullah bin Ali Al Thani. Os participantes na cimeira são desafiados à criatividade e podem assistir a eventos como a exposição da fotógrafa iraniana Newsha Tavakolian, que aborda as mudanças nos métodos de ensino. Yiannouka realça que “Sua Alteza Sheikha Mozah Bint Nasser, a presidente da Fundação do Qatar, considera a WISE como um movimento global que apoia, de forma sustentável, as inovações na Educação. E esse é um resumo perfeito do sucesso desta iniciativa.”

A cimeira vai igualmente debater os objetivos da Declaração do Milénio das Nações Unidas.