Última hora

Última hora

Ébola: ONU fala de progressos significativos quando número de infetados aumenta na Serra Leoa

Em leitura:

Ébola: ONU fala de progressos significativos quando número de infetados aumenta na Serra Leoa

Tamanho do texto Aa Aa

O responsável das Nações Unidas para o combate contra o Ébola fala pela primeira vez de progressos significativos nos esforços para conter a propagação do vírus nos três países mais afetados da África Ocidental.

O anúncio ocorre num momento em que o número de pacientes atendidos na Libéria caiu para mais de metade nas últimas três semanas.

‘‘Estamos muito contentes com a forma como conseguimos reduzir o contágio em algumas áreas e quando há menos infeções e menos mortes por Ébola”, afirmou Anthony Banbury, o responsável da missão da ONU para o combate ao vírus.

Um otimismo que é no entanto contrariado pelos últimos dados vindos da Serra Leoa, onde algumas organizações afirmam que o número de pacientes infetados é nove vezes superior ao registado há dois meses no país.

A Organização Mundial de Saúde lançou um novo apelo à ajuda da comunidade internacional, na terça-feira, quando só um quarto das mais de 4 mil camas necessárias para tratar os doentes estão atualmente disponíveis nos países mais afetados pela epidemia.

Nos últimos meses o Ébola já infetou mais de 10 mil pessoas, causando mais de 5 mil mortes na Serra Leoa, Libéria e Guiné-Conacri.