Última hora

Última hora

Presidente turco adverte que mundo pode conhecer uma "nova intifada"

Em leitura:

Presidente turco adverte que mundo pode conhecer uma "nova intifada"

Tamanho do texto Aa Aa

A tensão sobe em Jerusalém. Houve um aumento das medidas de segurança, esta quinta-feira, um dia depois do ataque mortal a uma estação de caminhos de ferros e dos confrontos na mesquita Al-Aqsa em Jerusalém Ocidental.

O mundo islâmico apela à comunidade internacional que interceda de modo a obrigar Israel a colocar cobro às suas atividades e políticas de provocação e incitamento” à violência.

O presidente turco classifica a ação de Telavive de “bárbara” e pede à comunidade internacional que sejam tomadas medidas. Recep Tayyip Erdogan adverte que a entrada das forças de de Israel, na mesquita Al-Aqsa pode despoletar uma “nova Intifada”, que se pode espalhar por todo o mundo.

Na quarta-feira, a Esplanada das Mesquitas, em Jerusalém, foi palco de violentos confrontos depois da chegada de dezenas de judeus ultrarreligiosos, que reclamavam o direito de rezar neste lugar santo muçulmano.

A Esplanada das Mesquitas é o terceiro lugar santo do Islão e está situada na parte árabe da cidade, ocupada e anexada por Israel.