Última hora

Última hora

Cuba: Havana está a mudar de rosto para as celebrações do quinto centenário

Em leitura:

Cuba: Havana está a mudar de rosto para as celebrações do quinto centenário

Tamanho do texto Aa Aa

Os cubanos celebram os 495 da existência da cidade de Havana, no meio de um vasto processo de renovação e restauro dos edíficios históricos.

Mais de 350  edifícios foram já restaurados desde 1994, altura que Fidel Castro aprovou um plano para restaurar a cidade com o dinheiro da indústria turística.

Eusébio Leal é o responsável do projeto:

“Estou contente por não estarmos ainda a celebrar os 500 anos, apenas os 495, porque assim temos a oportunidade de, nos próximos cinco anos, fazermos ainda um grande esforço por Havana, contra os ventos e as marés e não apenas pintarmos fachadas”.

Sem manutenção e sujeitos às condições climatéricas, muitos edifícios estão em estado crítico.

Uma turista cubana está orgulhosa deste restuaro:

“Estamos muito impressionados com o restauro. Faz-nos sentir que vivemos na época colonial. O guia turístico realmente fez-nos compreender a história do sacrifício, não só da construção de tudo isto, mas da manutenção de tudo isto”.

La Habana foi fundada pelos espanhóis que chegaram à ilha em 1519. A zona histórica da cidade foi declarada património da UNESCO em 1982 pela sua arquitetura barroca e neoclássica.