Última hora

Última hora

Síria: a verdadeira guerra de um vídeo falso

Em leitura:

Síria: a verdadeira guerra de um vídeo falso

Tamanho do texto Aa Aa

Um vídeo visto mais de seis milhões de vezes na Internet e em alguns canais de televisão nos últimos dias é, na realidade, pura ficção.

As imagens que mostram uma criança a resgatar outra sob um tiroteio não foram filmadas na Síria, mas em Malta, com figurantes.

A revelação foi feita pelo autor das imagens, um realizador norueguês, que afirma ter querido chamar a atenção para a situação das crianças em cenários de guerra.

“Quando vemos as imagens de zonas de guerra nos media, vemos apenas uma miséria que está longe de mobilizar o público. Mas com este filme quisémos criar uma história com um desenlace feliz, que tocasse e mobilizasse as pessoas, com uma mensagem de esperança. Eu defendo e defenderei sempre a voz das crianças”, afirma Lars Klevberg.

A revelação, dias após a difusão das imagens, está no entanto a criar uma viva polémica na Internet, distante dos objetivos da campanha humanitária.

Vários jornalistas e ativistas sírios indignam-se contra o que consideram como “desinformação”, num conflito onde a maior parte das imagens e informações do terreno são transmitidas pelas redes sociais.

WATCH THE FULL VIDEO