Última hora

Última hora

BCE: "Flexibilização quantitativa é uma opção"

Em leitura:

BCE: "Flexibilização quantitativa é uma opção"

Tamanho do texto Aa Aa

O Banco Central Europeu (BCE) poderá vir a comprar dívida soberana. A hipótese foi evocada pelo presidente Mario Draghi, na audiência periódica no Parlamento Europeu.

Num contexto de fraco crescimento económico e de baixa inflação, o BCE é pressionado a avançar com a flexibilização quantitativa. Sobre o assunto, Mario Draghi afirmou: “As outras medidas não convencionais podem implicar a compra de uma gama de ativos, entre eles, obrigações soberanas”.

Nos últimos meses, o BCE baixou as taxas de juro para mínimos históricos, tentou fomentar o crédito bancário e começou a comprar dívida privada. Alguns dos membros do Conselho de Governadores consideram que é preciso esperar para ver os efeitos das medidas implementadas, antes de avançar com outras.

O certo é que as palavras de Mario Draghi foram ouvidas pelos mercados. As bolsas terminaram o dia em alta e recuaram as taxas da dívida de países como Itália e Portugal.