Última hora

Última hora

Em leitura:

O que é a computação em nuvem?


hi-tech

O que é a computação em nuvem?

A computação em nuvem ou “cloud computing” permite aceder a um vasto conjunto de dados que não se encontram fisicamente armazenados no computador.

Os dados estão disponíveis através da Internet.

Na prática, o utilizador não precisa de instalar programas nem de transportar discos ou ficheiros de armazenamento.

O Google Docs é um exemplo de cloud computing: permite editar textos e armazenar arquivos, através da internet, sem ter o office instalado no computador.

Para conhecer melhor as vantagens e desvantagens desta tecnologia, a euronews falou com o especialista italiano Gianfranco Giardina:

Gianfranco Giardina: “Temos aqui por exemplo o Chromebook, na aparência trata-se de um notebook convencional que funciona com o Windows. Mas na verdade o sistema operativo não tem nada a ver com o Windows, apesar de ser construído de uma forma similar. A maior diferença é o facto de se basear quase completamente na Cloud, na Internet. Tem apenas uma pequena capacidade de armazenamento para guardar ficheiros temporariamente, para os momentos em que não estamos ligados a uma rede. Quase tudo passa pelo browser quando está ligados à rede. Este tipo de aparelho segue uma tendência recente. Até há alguns anos atrás tínhamos nos nossos computadores vários programas, um para cada coisa, escrever, editar fotografias, etc. Agora a tendência é ter apenas um sistema operativo e um browser para aceder à Internet. Desta forma podemos aceder a vários conteúdos e serviços que são descarregados em tempo real”, disse o especialista italiano.

euronews: “Quais são as vantagens e desvantagens desta tecnologia?

Gianfranco Giardina:“Comecemos pelas desvantagens. A primeira é a necessidade de alterarmos a forma como trabalhamos e deixar de descarregar os nossos programas, nomeadamente os que são compatíveis com o Windows ou o Mac OS porque se trata de um sistema operativo diferente. A vantagem é podermos ter uma máquina muito barata e simples, sem grande capacidade de armazenamento de dados. Permite-nos fazer quase tudo o que o utilizador normal faz. A tendência no futuro é estar sempre ligado à Internet. A banda larga é cada vez mais frequente mesmo se não cobre toda a Europa. Além disso há cada vez mais hot-spots grátis e públicos que permitem uma melhor ligação à Internet. Hoje em dia, com o aumento do número de serviços via cloud, o computador é apenas um aparelho de ligação”.

Escolhas do editor

Artigo seguinte
Uma aplicação para compras e outra para resolver problemas matemáticos

hi-tech

Uma aplicação para compras e outra para resolver problemas matemáticos