Última hora

Última hora

Quénia: Al-Shabaad reivindica execução de 28 passageiros cristãos de autocarro

Em leitura:

Quénia: Al-Shabaad reivindica execução de 28 passageiros cristãos de autocarro

Tamanho do texto Aa Aa

O grupo islamita al-Shabaab reivindicou o assassinato de 28 passageiros cristãos de um autocarro que circulava no nordeste do Quénia esta madrugada.

Os atacantes terão forçado as pessoas a sair do autocarro e obrigado a recitar um versículo islâmico para detetar não muçulmanos.

A polícia confirma o ataque. “De acordo com informações preliminares de agentes que temos no terreno, as pessoas atacadas eram cidadãos quenianos e cristãos. Mais ninguém foi atacado”, adiantou o chefe da polícia de Nairóbi.

O ataque aconteceu na região de Mandera. O autocarro tinha como destino Mombaça e levava 60 passageiros.

O grupo islamita com ligações a al-Qaida reivindicou o massacre, declarou que foi a resposta às operações antiterroristas levadas a cabo esta semana em quatro mesquitas da região de Mombaça.

Na operação das autoridades foram encontradas inúmeras armas e detidas várias dezenas de pessoas.