Última hora

Última hora

Desemprego espanhol cai em novembro

Em leitura:

Desemprego espanhol cai em novembro

Tamanho do texto Aa Aa

O desemprego esteve a descer, em Espanha, durante o mês de novembro.

Em relação ao mês anterior, houve uma descida ligeira de 0,32%. Com pouco mais de quatro milhões e meio de desempregados, o país continua a ter uma das maiores taxas de desemprego na Europa.

Foi o melhor mês de novembro em quase vinte anos. A ministra do Emprego,
Fátima Báñez, mostra-se contente com os números: “O crescimento económico espanhol está a provocar uma criação rápida de emprego. Estamos a assistir a uma mudança estrutural no mercado de trabalho e a uma recuperação rápida no crescimento da criação de empregos. É pr aí que temos de continuar a avançar, porque há muitos espanhóis que continuam sem oportunidades de emprego e o governo continua a trabalhar sem descanso”.

Este foi também o primeiro mês de descida no desemprego, depois de três meses consecutivos de aumento.

Os sindicatos estão menos entusiastas que o governo em relação a estes números. O secretário-geral da central sindical UGT, Cándido Méndez, diz que mais de nove em cada dez novos contratos são temporários.