Última hora

Última hora

Nelson Mandela morreu há um ano

A África do Sul assinala, hoje, o primeiro aniversário sobre a morte de Nelson Mandela. De norte a sul do país, milhares de pessoas prestam homenagem

Em leitura:

Nelson Mandela morreu há um ano

Tamanho do texto Aa Aa

A África do Sul assinala, hoje, o primeiro aniversário sobre a morte de Nelson Mandela.

Point of view

Mandela uniu a África do Sul em vida e já depois de morto. O primeiro presidente negro do país faleceu há um ano.

De norte a sul do país, milhares de pessoas prestam homenagem ao homem, símbolo da luta contra o apartheid e da reconciliação nacional.

Os ideais do primeiro presidente negro da África do Sul, que faleceu aos 95 anos vítima de doença respiratória, estão mais vivos que nunca.

“Hoje prestamos tributo a Mandela porque como ele disse quando completou 90 anos cabe a cada um de nós contribuir para acabar com as divisões que subsistem no país” afirma Graça Machel, viúva de Mandela.

A principal cerimónia de homenagem ao homem que ficou conhecido como o “pai” fundador da democracia está prevista na sede do governo, em Pretória.

Uma cerimónia que não vai contar com a presença do atual chefe de Estado sul-africano, Jacob Zuma, que se encontra numa visita oficial à China.