Última hora

Última hora

A caminho de Manila, Hagupit passou de tufão a tempestade tropical

Em leitura:

A caminho de Manila, Hagupit passou de tufão a tempestade tropical

A caminho de Manila, Hagupit passou de tufão a tempestade tropical
Tamanho do texto Aa Aa

O tufão Hagupit, que fustiga as Filipinas, baixou de intensidade e é agora considerado uma tempestade tropical. Esta noite deverá passar na região da capital, Manila.

Dos 175 quilómetros por hora registados no sábado, quando chegou a terra na ilha de Samar, os ventos baixaram para uma média de 85 quilómetros por hora, mas as autoridades avisam que a intempérie, que já fez pelo menos 23 mortos, continua a ser perigosa.

Mais de 1700 soldados foram mobilizados para reabilitar as estradas de Samar, onde a passagem do tufão destruíu um grande número de casas, derrubou árvores e provocou inundações.

Nos arredores de Manila, milhões de filipinos preparam-se para a chegada do Hagupit. Muitos deixaram as suas casas, procurando abrigo em igrejas e abrigos provisórios.

Uma residente da província de Batangas explica que veio “abrigar-se aqui da poderosa tempestade, seguindo o conselho do presidente da Câmara” da sua cidade.

As agências governamentais têm multiplicado esforços para distribuir bens de primeira necessidade aos deslocados.

As Filipinas têm ainda viva na memória a passagem do tufão Haiyan, há um ano, que fez mais de 7300 mortos, a maior parte dos quais na região de Tacloban, por onde passou também o Hagupit.